Aparelho ortodôntico fixo

Este tipo de aparelho é o mais popular e o que normalmente vem à mente quando pensamos em aparelho ortodôntico. Certamente você já ouviu falar de “bandas”, “brackets” e fios. Eles têm a função de mover os dentes gradualmente para a posição correta. Isso tudo ocorre por meio de visitas periódicas ao dentista, que mês a mês vai ajustando o aparelho fixo. Mas o que muita gente não sabe é que este tipo de aparelho vem ganhando novos formatos e o estilo “tradicional” de cuidar dos dentes vem mudando. Hoje, o aparelho ortodôntico deixou de ser sinônimo de metais e borrachas, passando por variações tanto em relação ao material, como em relação ao local de colagem. Dentre os aparelhos fixos destacam-se os aparelhos fixos metálicos e o autoligado.

 

aparelho fixo metálico

 

O aparelho fixo é somente para fins estéticos?

Não somente para fins estéticos o aparelho fixo dental também é usado para fins funcionais para auxiliar na saúde. Quantas vezes já ouvimos falar em problemas de dores de cabeça e mandibulares ocasionadas por má posição dos dentes. Tem ainda as complicações no sistema digestivo. A boca é parte do aparelho digestivo e o processo inicia durante a mastigação, caso parte deste aparelho digestor não funcione, todo o restante fica comprometido.

 

Aparelho fixo metálico

O aparelho fixo metálico é o mais conhecido. Com alta eficiência e resultados satisfatórios, ele corrigiu e vem corrigindo o sorriso de muita gente ao longo dos últimos anos. O estilo do aparelho é definido pelo paciente, podendo optar por borrachas coloridas ou até mesmo por borrachas incolores. É importante destacar que atualmente os aparelhos estão muito mais anatômicos, permitindo um tratamento mais agradável e confortável aos pacientes.

Entre seus defeitos está a aparência (nada discreto), e a questão da higiene bucal, que exige mais cuidados do paciente, já que o arco é preso a cada um dos brackets através de borrachinhas. A manutenção mensal é obrigatória para que o tratamento avance adequadamente.

Este tipo de aparelho é mais popular entre os pacientes  jovens que gostam da moda da troca de borrachinhas coloridas. Para isso os dentistas alertam que é preciso cuidado e acompanhamento profissional para não cair nas “modinhas” vendidas na internet. Aparelho ortodôntico é coisa séria e precisa de orientação profissional.

Não existe uma idade certa para este tipo de aparelho, ele é mais popular por ser mais acessível (menor valor), a indicação profissional é de que

o aparelho seja colocado tão logo o problema de má oclusão seja identificado, para evitar problemas futuros. O que é mais comum também é que a necessidade de um tratamento seja percebida ainda na adolescência, durante ou após a formação da dentição permanente.

Até pouco tempo atrás o tratamento ortodôntico por aparelhos era visto com um certo preconceito entre os adultos, hoje a sociedade já entendeu a importância de um sorriso saudável e bonito. Em seguida, vem a a evolução na qualidade do visual estético e o surgimento de outras opções de aparelhos, os estéticos.

Os mesmos tipos de aparelhos são responsáveis por corrigir reajustes simples ou aqueles bem complexos dos quais necessitam até mesmo de cirurgias. Em casos mais complicados ainda existem aqueles aparelhos com arco extra bucal, lembra do Bullyng no colégio? Então, ele ainda existe o “freio de cavalo”, mas de uso cada vez mais raro, utilizado somente em fase de crescimento e facilmente removível.

 

Aparelho fixo autoligável

Esse aparelho fixo possui uma tecnologia mais avançada, dispensando o uso de borrachinhas e acessórios. Os brackets são os mais modernos e promovem ainda mais força nos dentes, pois apresenta um encaixe próprio. Os arcos são adequados a cada estágio do tratamento e os resultados excelentes, muitas vezes em tempo menor, com manutenções em média de três em três meses.

A higiene é facilitada já que não há borrachinhas e o material pode ser de metal ou transparente. Sem as ligaduras elásticas o acumulo de bactérias reduz consideravelmente evitando assim a formação de cáries e placas.

Nos aparelhos fixos autoligáveis os brakets podem ser tanto de metal quanto de porcelana ou safira dando uma estética melhor. Com uma tecnologia mais inovadora os aparelhos autoligáveis são uma tendência que poderá substituir os aparelhos de borrachinhas. Ele pode ser um pouco mais caro, mas compensa na praticidade e tempo de tratamento. Pode-se dizer que a tecnologia do aparelho autoligado abriu portas para uma nova geração de aparelhos, mais eficazes e compensadores.