1 agosto 2014
Comentários: 0
1 agosto 2014, Comentários: 0

Cerâmicas ou porcelanas

As cerâmicas ou porcelanas constituem a melhor alternativa restauradora para os dentes.  Apresentam propriedades bastante favoráveis como resistência, semelhança aos tecidos dentais, estabilidade de cor (capacidade de imitar as características ópticas do esmalte e da dentina), entre outras. Podem ser utilizadas de diversas formas como coroas, facetas, inlays e onlays.

ceramica porcelana

 

Utilização das cerâmicas

São utilizadas na odontologia desde 1800 sendo as pioneiras as cerâmicas feldspáticas, que eram confeccionadas associando uma lâmina metálica, constituindo as coroas metalocerâmicas. As coroas puras de #porcelana feldspática apresentavam uma excelente estética, porém, sua baixa resistência limitou seu uso apenas para coroas e facetas unitárias anteriores em situações de pouco carga oclusal. O sistema Empress caracterizou-se por acrescentar leucita na composição resultando num razoável ganho na resistência.

porcelana dental

 

Propriedades mecânicas das porcelanas

Para melhorar ainda mais as propriedades mecânicas das porcelanas surgiu o sistema Emprees II que acrescia dissilicato de lítio na formulação. Com isso, as cerâmicas feldspáticas acrescidas de dissilicato de lítio passaram a ser indicadas também para prótese fixa de 3 elementos anteriores e coroas até segundo pré-molar.

ponte fixa cerâmica

 

Porcelana Zircônia

Procurando atender as exigências funcionais cada vez maiores foram desenvolvidas as cerâmicas acrescidas de alumínio e #zircônia (sistemas Inceram Alumina e Inceram Zircônia) o que proporcionaria duas vezes mais resistência à fratura quando comparadas às cerâmicas feldspáticas, porém, apresentava pouca translucidez, propriedade muito utilizada para bons resultados estéticos. Com essas características, as cerâmicas do sistema Inceram são bem indicadas para dentes posteriores (molares e pré-molares) pois suportam melhor a carga mastigatória e não exigem tanto acabamento estético.

ceramica procera

 

Porcelana Procera

Atualmente, vêm-se desenvolvendo a zircônia estabilizada por ítrio (sistemas Cercon e Procera) que vem a ser uma nova geração de cerâmica dental que frequentemente tem demonstrado maior versatilidade devido a suas propriedades mecânicas (elevada resistência a fratura), estéticas e biocompatibilidade. Devido a essa versatilidade as zircônias estabilizadas por ítrio ampliaram as indicações das próteses cerâmicas para próteses parciais fixas de 3 a 4 elementos em qualquer região bucal, para barras de prótese protocolo e infra-estrutura de grandes reabilitações protéticas.

cerec

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *