Nada de negligências quando o tema for cirurgia! Esse é o primeiro assunto a ser esclarecido!

Precauções devem ser tomadas em todas as etapas do processo, inclusive após ele. Há cuidados que devem ser cumpridos à risca para evitar problemas e complicações, e, podem acreditar, mas grande parte dos pacientes não os cumpre. A eficiência de uma cirurgia de implante dentário ou extração de siso não depende somente do seu planejamento. Os cuidados no pré e pós-operatório são fatores preventivos de possíveis complicações, além de assegurar resultado satisfatório e mais rápido. O corpo humano, após qualquer intervenção cirúrgica, precisa de um tempo para se regenerar. O sistema imunológico fica abalado, a circulação sanguínea precisa trabalhar o dobro. A cicatrização e a eliminação de líquidos consomem uma energia muito grande do paciente. Por esse motivo é importante seguir as orientações do médico no pré e no pós-operatório. Desconfortos são esperados após o procedimento, é importante ter sempre alguém por perto para ajudar nas tarefas. Repouso é fundamental e previnem o aumento do edema (inchaço), dor, hemorragias e infecções. Os três primeiros dias são fundamentais para a estabilização inicial do coágulo sanguíneo, é neste período vai ser determinante para um bom resultado pós-operatório sem complicações. Qualquer cirurgia que atinja as expectativas tanto do paciente quanto do cirurgião, depende de uma série de fatores.

Compressas podem diminuir o inchaço e sangramento

Compressas quentes ou frias podem ser ótimas alternativas. É recomendável fazer por vinte minutos a cada duas horas, isso irá ajudar a diminuir o edema, que nada mais é do que uma sinalização do organismo indicando que está contribuindo com o reparo e com a cicatrização. A dica é compressa gelada nas primeiras 24 horas, e quentes nos próximos dias. Quando houver muito sangramento a #dica é pressionar uma gaze diretamente sobre o local da cirurgia, durante cerca de 30 minutos, troque a gaze e repita a operação até a hemorragia estar controlada. Se o sangramento continuar contate o dentista. Podem ocorrer regiões arroxeadas na área da cirurgia. É uma resposta normal que ocorre em algumas pessoas e não é preocupante. Ele desaparece entre 7 e 14 dias. Leia mais

Alimentação leve e dieta saudável

A alimentação não deve ser negligenciada. Uma dieta leve é recomendada antes e após o procedimento. Nos sete dias que sucedem a cirurgia, a dieta deve ser diferenciada. Iniciando com dieta líquida, e seguindo para uma dieta pastosa, evitando mastigar naquela região. Alimentos quentes podem prejudicar a cicatrização ou causar dor e desconforto. Beba muito líquido. A medida que for melhorando a mastigação alimentos mais consistentes podem voltar a rotina. Leia mais

Higiene Oral suave

Água morna e sal é uma boa dica. Muito cuidado com a escovação, o local da cirurgia deve ser preservado. Uma boa higiene bucal é importante para a cicatrização de feridas normal. Só utilize antisséptico bucal se o dentista autorizar, o líquido pode ser muito agressivo. Gosto ruim ou odores podem ocorrer. Isto é geralmente secundária a uma falta de limpeza adequada na área. Leia mais

Medicação

Somente com prescrição do cirurgião dentista. É preciso tomar cada fórmula na dose e horários indicados. Esta etapa é fundamental para uma recuperação perfeita. As dores mais fortes são esperadas para as primeiras horas após a cirurgia, portanto a prescrição deve ser iniciada logo e prosseguir continuamente as instruções. Mulheres Atenção: alguns antibióticos podem interferir com a eficácia de suas pílulas anticoncepcionais. Por favor, verifique com o seu farmacêutico. Leia mais

Não cuspir, não fazer bochecho nem sucção por canudo

Os hábitos acima promovem pressão negativa na boca podendo deslocar o coágulo que está em formação e gerar hemorragia. Leia mais

Durma com o travesseiro alto

Sangramentos leves, enquanto o paciente está deitado, são bem comuns.Enquanto a cabeça estiver mais elevada, diminui a circulação e com isso o sangramento. Leia mais

Faça repouso

As atividades nas primeiras 24 horas devem ser mínimas. Descanse tranquilamente com a cabeça elevada. Dois a três dias de descanso são recomendados. Atividades físicas vigorosas e esportes, bem como a utilização de instrumentos musicais de sopro, não deve ser reiniciado até que as áreas cirúrgicas cicatrizadas. Leia mais

Não fume ou beba álcool

Quando existe uma ferida aberta na boca, exposta a inflamações e infecções, a recomendação é suspender o uso de cigarro, pelo menos até que os pontos sejam retirados. Isso porque as substâncias tóxicas do cigarro penetram na mucosa da boca e podem interferir na cicatrização, bem como causar uma infecção grave na área. No caso do álcool, a recomendação é suspender a ingestão durante o tempo em que se estiver usando antibióticos ou outras medicações, pois a bebida pode interagir com o remédio e causar efeitos colaterais. Leia mais

Exposição ao sol pode causar hemorragia

A exposição ao sol ira, da mesma forma, aumentar a circulação do sangue e aumentar o risco de hemorragia. Leia mais

Exercícios de alongamento evitam a rigidez da boca

O uso de goma de mascar e alongamentos suaves do maxilar, começando um dia após a intervenção cirúrgica, podem evitar a rigidez, que também é aliviada com compressas quentes. A extração de um dente tão grande e de raízes tão profundas como o siso pode causar tensão muscular do rosto o que pode gerar dor e dificuldade em abrir ou fechar a boca. Esta situação não costuma se prolongar, normalmente desaparece com a cicatrização do local. Leia mais

Anestesia

A anestesia usada pelo cirurgião dura em média 5 horas, porém pode ocorrer uma paralisia transitória. O fenômeno raro ocorre quando o anestésico atinge um nervo responsável pela sensibilidade da boca, daí é comum há uma sensação de formigamento local por dias. Quando isso acontecer, o dentista deve ser procurado. Leia mais

Náuseas

A medicação não pode ser tomada de estômago vazio. A náusea pós-operatória pode ser aliviada com a ingestão de bebidas gaseificadas e seguida de chá leve caldo de carne, e alimentos leves antes de retomar a sua dieta regular. Leia mais

Em caso de emergência contate seu dentista

Se houver alguma dificuldade em respirar, febre, sangramento ou desconforto excessivo, aumento do edema após o terceiro dia ou quaisquer outros problemas preocupantes após a cirurgia, você deve entrar em contato com o profissional responsável ou procurar uma emergência. Leia mais

Não deixe retornar ao dentista

Em aproximadamente sete dias os pontos devem ser retirados, deixá-los por mais tempo pode causar infecções ou inflamações. Atenda a todas as recomendações do especialista. Leia mais

Considereções Finais

O Juízo é sempre o foco de atenções. O dente do siso ou do juízo, como é chamado o terceiro molar, costuma causar dor e preocupação em muita gente. Por ser o último dente a nascer ele pode não encontrar o espaço necessário na gengiva. É preciso lembrar que muitos mitos são criados em analogia ao nascimento do dente tardio. Nem tudo é motivo de apreensão quando o siso começar a aparecer. Quando for necessário extrair o Juízo, o pós-operatório exige cuidados redobrados, as dores e infecções são comuns nesses casos. Esta cirurgia estimula uma sequência de reações inflamatórias nos tecidos ao redor da área da extração, inclusive com possíveis feridas que ficam expostas ao ambiente de bactérias, vírus e fungos, comuns a boca.